Cocoricó!

Sofrido, suado, tenso, delicioso. Ontem vibrei com um alvinegro raçudo, guerreiro, maciço e brilhoso. A massa sabia, certa, empurrou como sempre e saudou a taça esperança com a trave santa. Santa trave! São Victor! São Ronaldo! São Bernard! São Cuca!

São todos.

Canta, Galo lindo, que o dia nasceu, a hora chegou, e agora é você!

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Image